Saiba quais são os passos para se tornar um bombeiro

A profissão de bombeiro é uma das que possui mais credibilidade entre a população. O caráter desafiador e a possibilidade de prestar serviços voltados para o bem estar das pessoas muitas vezes são o estímulo necessário para que alguns acalentem esse sonho profissional desde os primeiros anos de infância.

Contudo, mesmo para quem sempre desejou ser um bombeiro, é comum que muitas dúvidas surjam a partir do momento em que se resolve dar o primeiro passo efetivo em direção a essa carreira. Por esse motivo, nós do Curso Praticar preparamos um artigo especial, pensado para sanar todas as principais dúvidas daqueles que se encontram nesse momento de indecisão. Continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber para seguir a carreira de bombeiro!

Fonte de reprodução: Getty imagens

Bombeiro Civil X Bombeiro Militar

Antes de qualquer coisa, é preciso decidir entre fazer um curso de formação de bombeiro civil (ou brigadista particular), ou seguir a carreira militar e se tornar um bombeiro. A principal diferença entre os dois é que o brigadista particular atua em situações de perigo em condomínios residenciais e comerciais, indústrias, shoppings, dentre outros; enquanto o bombeiro militar é um profissional das forças de segurança pública que realiza atividades de defesa civil e é responsável pelas vidas e pelo patrimônio público.

Ou seja, ser um bombeiro militar significa estar submetido à hierarquia e disciplina, além de estar sujeito à legislação específica militar e a um plano de carreiras rigorosamente subdividido em graduações e postos. A carreira militar exige vocação, entretanto, é uma boa opção para contornar o cenário de crise que o Brasil experimenta atualmente. Recentemente escrevemos um artigo discutindo os benefícios da carreira militar em meio à crise.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Como se tornar um bombeiro militar?

O Corpo de Bombeiros é de responsabilidade do governo estadual. Isso significa que as exigências de qualificação para ser um bombeiro militar variam de acordo com cada estado, e podem variar também no edital de cada ano. Se você deseja ter uma ideia sobre os requisitos básicos para se fazer a inscrição no concurso para fazer parte do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, bem como outras informações adicionais sobre o concurso. A forma de ingresso mais procurada é para o cargo de Soldado Combatente, pois não é exigida nenhuma experiência profissional anterior. Contudo, a abertura desses concursos não é prevista em períodos pré-definidos, pois ocorrem somente quando há vagas a serem preenchidas (isso acontece tanto para o ingresso como Praça como para Profissionais da Área de Saúde).

Para ser um oficial bombeiro, é necessário cursar uma escola superior de formação e aperfeiçoamento. O vestibular ocorre tradicionalmente no segundo semestre do ano. Ou seja, tanto para ser recrutado na corporação como soldado ou oficial, é preciso se preparar para um concurso público. Um curso pré-militar é altamente recomendado para quem deseja seguir essa carreira. Por isso, nós do Curso Praticar oferecemos um curso de qualidade voltado tanto para quem tem como objetivo se tornar um soldado quanto para quem quer ser um oficial do CBMERJ. Envie-nos uma mensagem solicitando sua pré-matrícula, e nós entraremos em contato.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Como funciona o concurso para bombeiro militar?

Os candidatos precisam passar pela prova teórica, exame de saúde, exame psicotécnico e investigação social. A prova teórica aborda, geralmente, o conteúdo do Ensino Médio (com exceção de alguns estados que exigem Carteira Nacional de Habilitação e nível superior). Então, um número de candidatos é selecionado para apresentar alguns exames de saúde (como eletrocardiograma, hemograma, espirometria e teste ergométrico). Esses exames devem ser pagos pelo próprio candidato, e são de caráter eliminatório, uma vez que podem apresentar problemas de saúde que tornem inviável o trabalho como bombeiro.

Os testes físicos geralmente incluem corrida, flexões, abdominais, natação, e outros exercícios relacionados. Por isso, é de suma importância que o candidato a bombeiro esteja com a saúde em dia e pratique exercícios regularmente. Os testes psicotécnicos irão avaliar o perfil psicológico, e a investigação social irá apurar a conduta social e os antecedentes criminais do candidato.

A carreira de bombeiro é muito rica e cheia de possibilidades. Portanto, se esse é o seu sonho, não deixe de correr atrás! Acesse o site: https://www.maconsultoria.com/ e entenda tudo sobre o curso.

Fonte: https://www.r7.com